quinta-feira, 17 de maio de 2018

Judas Priest: K.K. Downing é obrigado a vender sua parte no catálogo da banda


O guitarrista KK Downing foi forçado a vender sua parte em mais de 130 músicas do Judas Priest depois que ele investiu em um resort de golfe de luxo em Shropshire, Inglaterra.

Downing supostamente gastou milhões na criação do campo de golfe de 18 buracos em Astbury Hall, na esperança de atrair o British Open, mas o projeto fora à bancarrota. Os administradores culparam "tempos econômicos mais duros dentro do amplo mercado corporativo de hospitalidade" por colocar "uma pressão insustentável" nos negócios, de acordo com a Billboard .

Entre as composições para venda estão os clássicos do Judas Priest, como "You Got Another Thing Coming", "Breaking the Law" e "Painkiller". As 136 músicas são supervisionadas pelo FRP Advisory LLP, que diz que as faixas geram entre US $ 340.000 e US $ 400.000 por ano.

De acordo com a Billboard, além disso, o co-administrador Alastair Massey salientou que as músicas sao  "uma oportunidade única de investimento", já que essas faixas estavam "influenciando" no sucesso do Judas Priest.

Downing deixou a banda em 2011, citando diferenças pessoais e sua infelicidade com os shows ao vivo do Judas Priest. No início deste ano, ele disse que estava "chocado e atordoado" quando seus ex-membros da banda não o receberam de volta pelo afastamento do guitarrista Glenn Tipton relacionados com sua Doença de Parkinson.

Sua antiga banda está agora no meio da turnê mundial "Firepower Tour, O Judas Priest fará uma turnê pelos EUA com o Deep Purple no final deste verão.