segunda-feira, 17 de julho de 2017

Roger Waters chama Thom Yorke de chorão


Depois que o líder do Radiohead, Thom Yorke reclamou publicamente da carta aberta
de Roger Waters pedindo que o Radiohead não toque no dia 19 de julho próximo na capital Tel Aviv em protesto contra a política opressora do Estado de Israel ante à Palestina, o eterno líder floydiano gravou um vídeo no facebook com a réplica:

"Minha resposta para pessoas que dizem que a gente deveria ir até lá, sentar ao redor da fogueira e cantar algumas músicas: não, não deveríamos. Deveríamos respeitar o piquete. Qualquer um que se sinta tentado a cruzar essa linha, como nossos amigos do Radiohead, bastaria que eles se educassem a respeito. Eu sei que Thom Yorke está chorando sobre como ele se sente insultado, as pessoas sugerem que ele não sabe do que está acontecendo.
Bem Thom, você não deveria se sentir insultado porque se você realmente soubesse o que está acontecendo, teria uma conversa com Ken Loach [diretor], que está implorando para você ter uma conversa, ou comigo, eu te implorei, Thom. Eu te mandei inúmeros emails implorando para ter uma conversa. Brian Eno também fez isso; você nos ignorou, você não fala com ninguém sobre nada. Então esse tipo de isolamento é extremamente inútil para todos.
Eu estou ansioso para que – se você se sentir à vontade quando terminar a viagem por Israel porque provavelmente ainda irá pra lá – você me escreva uma carta e me diga quanto bem você fez e quanta mudança você conseguiu realizar conversando com músicos."
ASSISTA AO VÍDEO

LEIA TAMBÉM:
Roger Waters e cineasta pedem que Radiohead cancele show em Israel