terça-feira, 28 de março de 2017

Entrevista: a maturidade de Nelly Furtado


Se você sintonizasse qualquer rádio de música pop, em 2006, era provável que a música "Promiscuous", de Nelly Furtado, iria tocar mais de uma vez no mesmo dia. Depois do sucesso, a cantora de 38 anos passou um período fora da indústria e dedicou seu tempo a outros hobbies. Em 2017, ela volta com "The Ride", trabalho que ela mesmo intitula como "hangover album" (de ressaca, traduzido para o português). Em entrevista ao Destak, a artista fala sobre o começo de sua carreira e como amadureceu.

"Quando comecei na música, estava limpando privadas. Depois desse tempo na indústria, um dia, enquanto arrumava minha casa, deu vontade de ser aquela pessoa que eu era antes, e completar um ciclo", diz Nelly.

"As músicas do disco 'The Ride', como 'Pipe Dreams', refletem bastante esse sentimento. Na vida, você não tem muito tempo para refletir. Essas canções falam sobre amor e o que acontece a seguir quando se olha no espelho."

Entre tantas mudanças na carreira, uma das definitivas foi a maternidade. Agora com uma filha adolescente, a dinâmica abriu espaço para ela ser mais liberal com suas músicas e sua abordagem. "Eu sou mãe por 3/4 da minha vida agora, e eu amo essa ideia", conta Furtado.

"No entanto, agora que minha filha é mais velha, tenho mais tempo para me dedicar à música. Posso simplesmente fazer minhas canções de pijama e em casa, e realmente manter o foco nisso", fala.

Leia mais em DESTAK