segunda-feira, 27 de março de 2017

Apresentadora detona DJ no Lollapalooza


A apresentadora Titi Müller‬, do Multishow, canal da TV por assinatura, criticou ao vivo o DJ Borgore, antes de ele se apresentar no domingo (26), no palco Perry's. O músico israelense de 29 anos é conhecido pelas produções eletrônicas berrantes, letras sexuais e por incentivar as fãs a tirarem a roupa na web e nos shows. O DJ mais odiado do mundo. O homem que matou o dubstep. Machista, misógino, aproveitador. Todas essas são descrições comuns para o DJ Borgore.

"Na medida que ganhou visibilidade, as letras compostas por ele, totalmente machistas, misóginas, babacas, foram ganhando visibilidade e muitas críticas. Teve muita gente que foi em defesa. A própria Nervo, que vai tocar aqui hoje e não autorizou nossa transmissão, falou que apesar de compor letras tipo "aja como uma vadia mas antes lave louça" isso é só um personagem. Querido, na próxima encarnação, invente um personagem melhor. Eu gostaria de falar 'machistas não passarão', mas vai passar neste canal agora. É isso aí, Borgore. Vai que é tua, querido", anunciou Titi.


Veja mais no G1